Itaqui na Rede

Alegrete |Homem, descontrolado, agride duas vezes a companheira e desacata PMs

As denúncias de vizinhos eram de que estava ocorrendo uma briga entre um casal. No endereço, os policiais fizeram contato com a dona da casa de 53 anos. Ela disse que o companheira havia ingerido bebida alcoólica e toda vez que isso acontece, fica agressivo. Esta não seria o primeiro episódio em que a ameaçava de morte e xingava os vizinhos.

A mulher ainda relatou que o companheiro teria ressaltado que se ela o colocasse pra fora de casa, iria agredi-la, além de matá-la. Ele já havia quebrado uma porta da residência a coices.

Contudo, a vítima foi taxativa em dizer que a casa é dela e não queria que ele ficasse. Assim que os policiais se aproximaram para falar com o acusado ele ficou descontrolado. Passou a fazer ameças e não respeitou a voz de abordagem, negando-se falar e ser revistado. foi necessário algemá-lo.

Na Delegacia, transtornado, o homem conhecido por Morcegão, manteve as ameaças aos policiais militares. Ele disse que estava marcando o rosto de cada um e os ameaçou de morte, também, chutou duas vezes a perna do PM. Na sequência, ainda disse que iria se autolesionar para chamar o advogado e acusar os PMs.

Foi feito registro por perturbação da tranquilidade, ameaça e resistência. A vítima não quis representar criminalmente. Foram ouvidos e liberados.

Contra os Policiais

No momento em que estavam saindo da Delegacia e os policiais iriam conduzir a vítima até sua residência, Morcegão passou novamente a ameaçar os policias. Ele reafirmou que estava marcando o rosto de cada um e iria se vingar. “A morte de vocês está chegando”, declarou.

Ao ser questionado pelos policiais, continuou usando palavras de baixo calão, completamente descontrolado. Recebeu voz de prisão e investiu contra a guarnição com coices e socos. Foi necessário algemá-lo para registro de desacato.

Mais uma agressão

Algumas horas depois de ter sido liberado, já na madrugada de sábado(5), a Brigada Militar foi novamente acionada no bairro Anita Garibalde. Desta vez, por volta das 3h, a vítima disse aos policiais que fora agredida fisicamente pelo companheiro, conhecido por Morcegão. Ele quebrou um ventilador em sua cabeça e, com socos, arrancou dois dentes que seriam da prótese. Nas sequência fugiu, antes da guarnição chegar no endereço.

A mulher foi conduzida à Delegacia e foi realizado mais um registro contra o acusado. Ela pediu Medidas protetivas e disse que gostaria de representar contra o companheiro.

Fonte: Alegrete Tudo